Total de visualizações de página

terça-feira, julho 12, 2005

'Interterimento' tem D+!¡!

escrito em 22 de abril de 2004 - corredores do Márcio Nery
Moramos no Amazonas, precisamente em Manaus, uma cidade onde o folclore e a cultura estar a flor da pele dos nativos e visitantes que por aqui habitam. Muitos vem até aqui a trabalho, outros estão de férias e outros moram aqui por são caboclos mesmo e nao tem dinheiro pra morar em outro país/estado. Então o que fazer pra se divertir? Quando não se tem dinheiro? Ao pesquisar sobre um trabalho social da escola, o assunto era como sobre a diversão dos moradores da área da Manaus moderna II (situada no bairro de petropolis ou coroado, ninguém informa o certo...)houveram varias reclamações em relação a isso. Porra, o ultimo ônibus passa no horário de meia-noite (hora que as tricas estão no auge da festa, grelhando como diria meu amigo Roberto Sena), taxi é bandeira 2 e como pobre só anda em bando teria que ser no mínimo 2, isso para aquelas que querem ir pra "balada" ahahaha esse termo é ótimo!, outro querem bolas ("nao precisa ser profissional não..") e a quadra das escolas abertas, para jogarem futebol, Santa Ignorância! por que esse bando de fdp, num vão ao cinema, com carteira estudantil, primeira sessão, segunda-feira nao é possível que valor seja acima de R$10,00 ou entao vão ao teatro, há tantos no centro da cidade a preços de banana muitas vezes com entrada franca e lugares acessíveis (todo bairro tem um ônibus que vai até o centro da cidade) Suas músicas vocês até devam imaginar, se o censo2004 visitar essas comunidades e forem atrás de comida, podem até nao encontrar, tod mundo sabe da situação do Brasil nas periferias, mas com todo certeza terá o CD ou o DVD da Banda Calypso nos porta-cds da maioria desses pobres, a propósito, não falo pobres não é por que existem muitos desempregados ou escravos do distrito industrial apesar de muitos erme isso também, falo pobre de alma de espírito, como diz um clássico do carnaval "sonhar nao custa nada", parece que esse povo nao tem sonhos, e se tem é de "tirar" uma geladeira no barateiro, para pagar em 72 vezes e praticamente morrer pagando. E a pobre jovem tem o sonho de conhecer o Gustavo Lins, esse Gustavo Lins até há alguns meses eu nem sabia de existência dele mas de uns tempos pra cá eu vi o quando ele eh importante no marcado fonográfico brasileiro, nao vejo a hora de sair correndo para comprar seu cd! Poupe-me né? Po risso que eu digo, intertenimento tem demais, o povão precisa de entretenimento, cultura, sabedoria, conhecimento, precisa ter atitude, tirar a venda do rosto, para de achar que vai cair tudo do céu, e fazer alguma coisa pra mudar esse quadro. Por isso que eu concordo que todo mundo deveria ser egocêntrico, se cada um pensar só em si, não ajudar ninguém, as vagas de empregos por exemplo seriam preenchidas por pessoas competentes, as empresas clandestinas fechariam muito mais cedo e as pessoas iriam se preocupar com seus estudos e garantiriam seus futuros botando na sua área de lazer algo construtivo para sua carreira, nisso consequentemente nao existiriam musica merda com tanta abundância como existe hoje, e o senso crítico das pessoas seriam muito mais específico fazendo com que elas finalmente contribuíssem com pelo menos 0,000001% da evolução desse país já seria válido.

Nenhum comentário: