Total de visualizações de página

domingo, novembro 27, 2011

Vamos falar de coisa boa?


É impossível chegar a Manaus e não sentir vontade de conhecer o famoso Teatro Amazonas, Encontro das Águas ou os diversos pontos turísticos que a capital amazonense oferece. E por que não procurar algum som regional para conhecer o talento local? Para responder essa pergunta foi criada a Festa do Xibé, que será neste sábado, a partir das 20h, no Aomirante Bar (avenida Padre Agostino Caballero Martin, 287, Santo Antônio). O passaporte para o evento custa R$10,mas a bilheteria estará liberada até às 21h30.

Bater ponto neste evento é requisito primordial para essa firmação desse povo. Seja pela rebeldia punk da Nematóides, ou o ‘rock podre’ da banda Dpeids a festa segue buscando a identidade local. Quem também tem presença cativa no evento é o peso grounge da Infâmia, isso sem contar com o som eletrônico da banda João Pestana, os veteranos da Underflow. Seja qual for sua tribo, a balada adere todos os gostos, incluindo o ritmo dançante com uma pegada de carimbó da Alaídenegão, o produto cru dos mauesenses da Antiga Roll e o hardcore melódico da Bandaid.

Filho da terra e regional até a espinha, DJ e MC Fino, entra de fininho nos intervalos de cada banda para mais uma apresentação de seu set. É aí que o silêncio vai embora e dá a vez para samplers e novidades das bandas amazonenses.

Esse é o jeito de ter orgulho em ser amazonense, com repertório 100% autoral é o que explica uma das produtoras do evento, a jornalista Renata Paula. “O produto autoral não é uma tecla batida, principalmente quando a maioria das opções de diversão na cidade inclui tributos e bandas com conteúdo unicamente cover. A gente precisa se vender e homenagear o material legitimamente nosso”, argumenta.

Como o dicionário Amazonês, escrito pelo doutor em linguística Sérgio Freire, A palavra Chibé, significa a mistura de farinha de macaxeira, água e açúcar. Para reunir e misturar os estilos no evento em que a parcialidade seja unicamente voltada para aqueles que aqui estão.  Ouvir e ver o talento regional, quem comparecer ao evento, vai poder sentir o gosto da original iguaria local.

Na festa também haverá exibição de curtas-metragens locais selecionados pelo Coletivo Amacine. Exposição de produtos das lojas Hey You, Caboquês Ilustrado e Dog Hot Dog Distro.

Despertar a necessidade de ter uma identidade própria firmada é o que rege o músico Amauri Frazão. “Na roupa, na língua ou nos costumes, os amazonenses conseguem ser diferenciados em todos os lugares do mundo. Com mais de dois milhões de pessoas residentes aqui, a cultura local ainda precisa ser firmada”, acrescenta o artista que faz parte da banda Underflow.

SERVIÇO

Festa do Xibé – Parte 1

Sábado, 29 de Outubro às 20h

Aomirante

R$10 (entrada gratuita até 21h30)

9189-3607/ 8200-8377

Nenhum comentário: