Total de visualizações de página

terça-feira, abril 02, 2013

R$3 TÁ FODA!



Pontuo meu crescimento com base em algumas conquistas que tive ao longo de minha vida, uma delas aconteceu aos 11 anos, quando passei para 5ª série tive o aval para voltar para a escola de ônibus. O que por si já era uma aventura, andar da rua Duque de Caxias pela Avenida Sete de Setembro até a Getúlio Vargas. Na época, a carteira de estudante era branca e o passe-estudantil era de papel, colorido, destacável e custava R$0,75.
 Quando eu tava com um pouco de pressa, pegava o alternativo que não aceitava passe e a meia passagem era R$1, os ônibus eram todos velhos, rabiscados e fedendo a suor mas eu gostava de ir assim mesmo. Foi nessa época mesmo que participei [fazendo volume] de uma manifestação de estudantes na praça do congresso sobre o possível aumento da meia passagem. Ia ser a partir de então, R$1,05. Daí as coisas já não eram muito fáceis.
O tempo foi passando e a reclamação sobre a precariedade dos ônibus, demora das rotas, falta de sincronia dos horários, manifestações, protestos, ônibus queimados [não, isso é coisa de paulista, amazonense tem preguiça de se envolver]. Isso sem contar com o preço, cada DIA mais alto. Um exemplo disso são os ônibus alternativos que custa R$4,20 e são de péssima qualidade.
No último sábado, foi o primeiro dia que R$3 passou a ser a tarifa do busão em Manaus. Eu peguei ônibus logo cedo e era latente a insatisfação das pessoas. Começando pela cobradora, que forçou um “bom dia” grave pra vê se aquele gelo era quebrado. Mas ainda assim, a tristeza estampava o rosto das pessoas.
Esse era o choque de ordem que o prefeito anunciou nos primeiros 90 dias do ano. Onde a população pode enxergar que essa foi uma boa escolha? Difícil responder essa. Seria bem mais simples pagar R$1,50, mas nem sou mais estudante. Pego pelo menos quatro ônibus por dia, me beneficio da integração temporal mas mesmo assim eu preciso afirmar que TRÊS REAIS TÁ FODA!

Nenhum comentário: